Cabeceiras de Basto: cortejo Etnográfico trouxe à rua «Lendas e Estórias»

Dedicado ao tema ‘Lendas e Estórias’, o Cortejo Etnográfico integrado no programa da Feira e Festas S. Miguel 2022 saiu esta tarde, 25 de setembro, à rua. Milhares de pessoas assistiram ao belíssimo desfile que promoveu e divulgou a cultura popular e etnográfica de Cabeceiras de Basto.

A freguesia de Abadim apresentou neste cortejo a ‘Os Moinhos de Rei’; a freguesia de Alvite e Passos os ‘Monges oram na Serra da Senhora da Orada’; o Arco de Baúlhe e Vila Nune a ‘Lenda do Crasto’; Basto a ‘Cura de D. Afonso II e atribuição do Couto a Santa Senhorinha pelo Rei D. Sancho I’; Bucos a ‘Atribuição do Galardão Galo de Prata da Aldeia Mais Portuguesa de Portugal’; Cabeceiras de Basto a ‘Lenda da Dona Loba’; Cavez a ‘Lenda da Construção da Ponte de Cavez’; a Faia trouxe ao cortejo ‘S. Tiago das Bichas’; Gondiães e Vilar de Cunhas a ‘Lenda de S. Sebastião e a Festa das Papas’; a freguesia de Pedraça a ‘Partida de Dom Nuno Álvares Pereira para a Guerra’; Refojos, Outeiro e Painzela a ‘Chegada das Tropas Republicanas à sede do concelho’; Riodouro ‘Os Cemitérios da Discórdia’; e a Associação Vilela Com Vida a ‘Lenda da Cantareira’.

Na tribuna, no palco do Parque do Mosteiro, assistiram ao cortejo etnográfico o presidente da Câmara Municipal, Francisco Alves, vereadores, presidentes de Juntas de Freguesia, entre outros autarcas do município e das freguesias.

Depois do interregno motivado pela pandemia Covid-19, a Feira e Festas de S. Miguel regressaram em 2022 com todo o seu fulgor!

Centenas de pessoas das várias freguesias do concelho mobilizaram-se para construir e ornamentar os carros, participando também como figurantes no próprio cortejo que é o resultado do trabalho de uma equipa – constituída pelas Juntas de Freguesia, associações, coletividades e técnicos do município responsáveis pela organização das Festas – que nos últimos meses se empenhou na produção e concretização do cortejo etnográfico.

A Câmara Municipal regozija-se por todo o trabalho realizado que culminou com a apresentação de um belíssimo desfile, onde se evidenciou a criatividade, a qualidade e a autenticidade das representações etnográficas.

No final do cortejo, foram entregues lembranças a todas as freguesias e associação participantes.

O dia de sábado, 24 de setembro, ficou marcado pela inauguração da 45.ª AGROBASTO – Feira das Atividades Económicas de Basto que decorre até ao próximo dia 29 de setembro no recinto do Mercado Municipal.

O certame foi inaugurado pelo Secretário de Estado de Estado da Agricultura, Rui Martinho, que esteve acompanhado dos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, da Diretora Regional de Agricultura, do presidente da CONFAGRI, da Diretora Regional da Conservação da Natureza e Florestas do Norte, demais autarcas do município e freguesias, outros convidados e população em geral.

A noite de sábado no Parque do Mosteiro e na AgroBasto foi de grande animação.

No Parque do Mosteiro, os Pólo Norte deram um magnífico concerto que atraiu milhares de visitantes. No mesmo palco atuou a Banda Sabor. Já no recinto da AgroBasto, foram os Tradição D’Ouro que fizeram a festa perante uma enchente de gente.

A Feira e Festas de S. Miguel continuam até ao próximo dia 30 de setembro, sexta-feira. As festividades encerram com chave de ouro, com a realização do Baile de Outono – Remember, emblemático evento do S. Miguel de outrora, que regressará aos Claustros do Mosteiro de S. Miguel de Refojos. A entrada é gratuita, mas obriga ao uso de traje de gala.

Notícias relacionadas