Concelhos do Ave vão ter rede de deteção e combate à vespa asiática no próximo ano

Os concelhos que integram a Comunidade Intermunicipal (CIM) do Ave vão implementar um projeto de deteção e combate à vespa velutina, vulgarmente conhecida por vespa asiática.

A candidatura, com valor elegível superior a 200 mil euros, foi aprovada no âmbito do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), anunciou hoje a CIM do Ave, que integra os municípios de Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto, Fafe, Guimarães, Mondim de Basto, Póvoa de Lanhoso, Famalicão e Vizela.

O projeto prevê a implementação de uma rede de armadilhas no território, a aquisição de equipamentos para captura e destruição de ninhos, capacitação técnica operacional e, ainda, a realização de uma conferência para discussão da temática da vespa velutina e os seus impactos na região.

A comunidade intermunicipal salienta que o “território do Ave é uma região de grande incidência deste flagelo”, adiantando que a “a disponibilização de todos estes dispositivos de prevenção e combate à vespa velutina acontecerá no início do próximo ano”.

Notícias relacionadas