Hinoportuna do Politécnico de Viana do Castelo retoma festival Lethes

Depois da última edição ter acontecido em 2019, a Hinoportuna – Tuna Académica do Instituto Politécnico de Viana do Castelo volta a organizar o Lethes – Festival Internacional de Tunas Cidade de Viana do Castelo.

Ao palco do Teatro Sá de Miranda, em Viana do Castelo, vão subir, no dia 4 de junho, a Azeituna – Tuna de Ciências da Universidade do Minho, a Estudantina Universitária de Coimbra, a Tuna Universitária de Aveiro e a TUIST – Tuna Universitária do Instituto Superior Técnico. Sobem ainda ao palco os Jogralhos – Jograis Universitários do Minho e a Hinovets – Tuna de Veteranos da Hinoportuna.

Entretanto, no dia 3 de junho, a Praça da República recebe a tradicional Serenata a partir das 22 horas.
Estamos ansiosos que comece a 20.ª edição do Lethes. As pessoas têm um carinho muito especial pelo nosso festival. O nosso festival é para a cidade e todas as tunas são sempre bem recebidas”, agradece Jacinto Coelho.

O mérito da Hinoportuna tem vindo a ser reconhecido nos vários festivais em que tem participado por todos os cantos de Portugal e ilhas, tendo com a sua música e boa disposição, que é característica dos seus elementos, conquistado um sem número de prémios e adeptos. Mais recentemente, a Hinoportuna – Tuna Académica do Instituto Politécnico de Viana do Castelo conquistou o XXXI FITU Bracara Avgvsta – Festival Internacional de Tunas Universitárias, certame organizado pela Tuna Universitária do Minho (TUM), em Braga. A Hinoportuna arrecadou o Prémio Banessa (Tuna + Tuna) assim como o Prémio Melhor Original (com “Entre o samba e o fado”) e o Prémio Melhor Tuna do XXXI FITU.

A Hinoportuna tem vindo ainda a participar nos mais diversos eventos como festas de beneficência, casamentos, festas populares, tendo já levado a sua música a outros países da Europa como Espanha, França, Bélgica, Holanda, Alemanha, Áustria, Itália, Luxemburgo, e aos principados de Andorra e Mónaco.
Devido à excelente relação de amizade existente entre a Hinoportuna e a Tuna de Veteranos de La Coruña, ambos os grupos ‘irmanaram-se’ em abril de 2001, numa cerimónia que decorreu durante o I Lethes.

Related Posts