Vento e chuva fortes. Proteção Civil deixa conselhos para os próximos dias

O distrito de Braga vai estar amanhã, quinta feira, em alerta amarelo devido à chuva e vento forte associados à depressão Karlotta. De acordo com a informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se, para as próximas 48 horas, precipitação, por vezes forte, vento, agitação marítima e queda de neve.

De acordo com a Proteção Civil, estas previsões de mau tempo podem levar à ocorrência de inundações em zonas urbanas, ocorrência de cheias, potenciadas pelo transbordo do leito de alguns cursos de água, rios e ribeiras; deslizamentos e derrocadas, piso rodoviário escorregadio devido à possível formação de lençóis de água ou à acumulação de gelo e/ou neve; possíveis acidentes na orla costeira, devido à forte agitação marítima; ao arrastamento para as vias rodoviárias de objetos soltos, ou ao desprendimento de estruturas móveis ou deficientemente fixadas, por efeito de episódios de vento forte, e desconforto térmico na população pela conjugação da temperatura mínima baixa e do  vento.

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) recorda que o eventual impacto  destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, como a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas; garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas; ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas; ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis; não praticar atividades relacionadas com o mar; adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tomando especial atenção à eventual acumulação de neve e/ou formação de lençóis de água nas vias rodoviárias; não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas; e estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Related Posts